terça-feira, dezembro 02, 2008

Começa hoje mesmo

Sabem, as histórias de amor não começam nunca nem acabam: simplesmente são. Na verdade, nenhum amor - essa coisa quente e complexa como os melambes acre-doces - o é salvo quando tem apenas uma dimensão temporal: o infinitivo. Ser.
A história de amor entre Massalinha e Hussane começou na trivialidade poderosa daqueles programas mágicos de mensagens instantâneas. No caso vertense, no skype.
Ela será dada a conhecer logo de seguida, no fiel conto que Massalinha e Mussane tiveram a gentileza de me darem a conhecer. Só uns minutinhos.